Total de visualizações de página

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Texto e Imagens sobre Transição Demográfica


repasso texto que fiz e umas imagens sobre transição demográfica.
___
O debate sobre “transição demográfica” é muito falho porque não contextualizam direito com a sociedade e nem buscam diferenciar os locais do mundo de maneira organizada. A “transição demográfica” é uma teoria surgida na década de 1930, cujo conceito tenta explicar a dinâmica populacional e o crescimento populacional da Idade Moderna.
Esta transição da população ocorrerá quando acontecer discrepâncias entre as taxas de natalidade e de mortalidade, ou seja, quando houver um rompimento do equilíbrio entre as taxas elevadas de natalidade e de mortalidade (que marcaram as sociedades pré-industriais, ou as sociedades viventes no “meio natural”).
O desenvolvimento das relações capitalistas de produção fará com que seja criado grandes centros urbanos com significativo desenvolvimento tecnológico e cientifico (meio técnico-cientifico-informacional). Isto significa que a sociedade através do Estado, criará políticas de saúde pública para toda a população e melhorias médicas-sanitárias, que será decisivo para a diminuição das taxas de mortalidade e conseqüentemente aumentando a “esperança de vida ao nascer” e as “taxas de natalidade e fecundidade”.
A conseqüência para a população mundial deste desenvolvimento social-produtivo será uma “explosão demográfica” com altos índices de crescimento populacional. Isto ocorrerá inicialmente nos países europeus e nos EUA (entre século XVIII ao inicio do século XX) e se espalhará para outros lugares do mundo de maneira gradativa e diferenciada. Pode-se dizer que o mundo passou por “duas ondas de transição demográfica”, a primeira ocorrendo nos países desenvolvidos no século XVIII-XIX e a segunda ocorrendo nos países subdesenvolvidos após a Segunda Guerra Mundial.
Costuma-se dividir a “transição de demográfica no mundo” em 3 fases para 3 grupos de países: o primeiro grupo ocorre em “países subdesenvolvidos” (com fecundidade elevada, declínio de mortalidade e alta taxa de crescimento vegetativo); o segundo grupo ocorre em “países emergentes ou em desenvolvimento” (com estabilização da mortalidade, baixa fecundidade e diminuição do ritmo de crescimento vegetativo); e o terceiro grupo ocorre em “países desenvolvidos” (com estabilização das taxas de fecundidade e de mortalidade, cm crescimento populacional baixo ou negativo).
A “teoria de transição demográfica” tem de ser questionada, até porque a dinamica populacional não respeita estes 3 padrões (ou 3 fases). Em sala de aula eu debato com os alunos que a teoria é falha porque: “não considera as desigualdades sociais” (pois a população não é um “corpo homogeneo” e as condições sociais interferem na dinamica populacional); “pressupoe uma estabilidade pré e pós transicional” (pois a dinamica populacional não se encerra); e que “está referenciado em uma população mais ou menos fechada” (pois não considera que os fluxos migratórios mudam os padrões de crescimento populacional).
___

Mapa Transição Demográfica no Mundo 



Mapa Transição Demográfica no Mundo - 2 



 
ESQUEMa transição demográfica








 Taxa de crescimento populacional mundial (média anual)


Nenhum comentário:

Postar um comentário